Ceará perde 4,5 vezes mais postos de trabalho formais com pandemia

Ceará perde 4,5 vezes mais postos de trabalho formais com pandemia

De janeiro a abril, Estado perdeu 25,6 mil empregos com carteira assinada, 4,5 vezes mais que em igual período de 2020. Especialistas ressaltam necessidade de políticas públicas coordenadas entre poderes para recompor mercado

Sob influência da pandemia do novo coronavírus, o mercado de trabalho no Ceará ampliou o ritmo de perda de postos de trabalho. Entre janeiro e abril deste ano, foram encerrados 25,6 mil empregos no E… [+5122 chars]

Leia o artigo completo | Ler comentários

0 comentários

Mais O negócio Notícia